publicidade

Easyjet facilita ligações às rotas intercontinentais

Diogo Pereiratexto Diogo Pereira
diogopereira@w360.pt

foto Curimedia

Se perder o voo de ligação será colocado no avião seguinte para o mesmo destino.


A Easyjet anunciou hoje que vai permitir que os passageiros dos seus voos façam reservas para voos intercontinentais de outras companhias no seu site. Desta forma formaliza-se uma prática já habitual de usar os voos das low cost como voos de ligação às rotas internacionais. Com a formalização deste processo os passageiros passam a poder reservar toda a viagem num só site, ao contrário do que acontecia antes.

Este serviço vai começar a funcionar no aeroporto londrino de Gatwick e em colaboração com duas companhias que operam voos para o continente americano e asiático, a Norwegian e WestJet.

De acordo com a Agência Lusa cerca de 200 mil passageiros fazem, todos os anos, voos de ligação com a Easyjet, mas até aqui tinham que fazer reservas separadas. Agora as reservas podem passar a ser feitas no site da Easyjet e no caso de um voo perdido numa ligação, o passageiro será colocado no voo seguinte.

Citada pela Agência Lusa a companhia britânica de baixo custo adianta ainda que estão a decorrer conversações “avançadas” com companhias do Médio Oriente para que este serviço lhes seja estendido. A Easyjet pondera ainda alarga-lo a outros aeroportos europeus como Milão, Genebra, Amesterdão, Paris (aeroporto Charles de Gaulle) ou Barcelona.

«Cerca de 70 milhões de passageiros que viajam através de um aeroporto da easyJet, por ano, fazem ligações com outros voos, principalmente de grandes distâncias e é este segmento de mercado que o serviço Worldwide da easyJet vai facilitar», disse Carolyn McCall, da administração da companhia, citado pela Lusa.

Encontrou algum erro ou informação desatualizada? Sugira uma correção ao autor: diogopereira@w360.pt