Aeroporto de Munique faz buraco na porta de hangar para receber A380

Para conseguir acolher o maior avião de passageiros do mundo, o A380, num dos seus hangares, o Aeroporto de Munique teve que fazer um buraco na porta para que a cauda do super jumbo ficasse de fora.

PUB

O Aeroporto de Munique começou recentemente a receber os gigantes Airbus A380 da Lufthansa para manutenção. As aeronaves começaram a ser para ali levadas neste verão, com o objetivo de ajudar a empresa a libertar o aeroporto de Frankfurt, o mais movimentado da Alemanha.

Com hangares construídos em 1992, é provável que os engenheiros e arquitetos que projetaram a estrutura nunca tivessem equacionado a hipótese de os aviões um dia poderem vir a ser tão grandes como hoje é o A380, o maior avião de passageiros do mundo.

A melhor forma de conseguir fazer os trabalhos de manutenção do super jumbo foi fazer uma adaptação à porta de um dos hangares, para que a cauda ficasse do lado de fora, enquanto o resto do avião fica no interior do edifício. Desta forma é possível proteger os técnicos de manutenção das temperaturas rigorosas que se fazem sentir no inverno, que podem atingir graus negativos.