A Alemanha já não tem o passaporte mais poderoso do mundo

Há dois novos países no topo da lista dos passaportes mais poderosos

PUB

texto foto Diogo Pereira
diogopereira@w360.pt

Há dois novos países no topo da lista dos passaportes mais poderosos

publicidade

Ter um passaporte com capacidade para entrar em vários países sem necessidade de pedido de visto pode ser uma grande vantagem e um ponto em favor do destino escolhido. O pedido de visto é geralmente burocrático e, para além de tempo, pode representar um custo adicional relevante.

Portugal é um dos países no topo da lista dos que têm os passaportes mais poderosos do mundo, ou seja, os portugueses conseguem entrar em muitos países sem ser necessário haver um pedido formal de visto. Neste momento o nosso país encontra-se na quarta posição do Passport Index, com 154 países para os quais não é necessário pedido de visto. A par de Portugal nesta posição estão o Luxemburgo, Noruega, Holanda, Bélgica, Áustria e Reino Unido.

Até à bem pouco tempo era a Alemanha que liderava a lista, com 161 países, mas dois asiáticos conseguiram suplanta-la e roubar-lhe o lugar no pódio.

Coreia do Sul e Singapura têm agora os passaportes que mais portas abrem, com mais um país que a Alemanha e o Japão que ocupam a vice liderança.

Estes ranking tem tido variações nos últimos meses. Se em 2017 a Singapura foi o primeiro país asiático a chegar ao topo, sendo em dezembro ultrapassada pela Alemanha, a atualização vem provar que os países europeus são, de facto, os mais poderosos a este nível, no entanto são dois asiáticos que levam o título para casa.

Para chegarem ao topo a Singapura e a Coreia do Sul precisaram que o Uzbequistão concedesse o acesso sem necessidade de visto e também houve alterações na concessão de entradas na Somália.

Os países com passaportes mais frágeis são o Afeganistão, na última posição da lista com acesso a apenas 25 países. Antecede-lhe o Iraque com 28 nações acessíveis sem necessidade de visto. Antes deles estão o Iraque (28 países), Paquistão (29), Síria (32) e Somália (34).

O Passport Index avalia em tempo real os passaportes de 199 países e assume-se como o “mais popular ranking de passaportes. O ranking atualizado pode ser consultado aqui.

publicidade

publicidade

Encontrou algum erro ou informação desatualizada? Sugira uma correção ao autor: diogopereira@w360.pt