Avião da Ethiopian Airlines despenha-se com 157 pessoas a bordo

Acidente com Boeing 737 Max 8 da Ethiopian Airlines matou todos os 157 passageiros e tripulantes que faziam a ligação entre Adis Abeba e Nairobi.

Avião Boeing 737 Ethiopian Airlines estacionado no aeroporto a receber serviços de logística. foto de Alan Wilson
PUB

Um avião comercial da Ethiopian Airlines que fazia a ligação entre Adis Abeba, na Etiópia, e Nairobi, no Quénia, despenhou-se na manhã deste domingo pouco tempo depois de descolar. A bordo seguiam 157 passageiros, entre passageiros e tripulação, que não resistiram ao impacto.

Apenas seis minutos depois de levantar voo o Boeing 737 Max 8, uma aeronave nova que estava na frota da companhia há apenas nove meses, colidiu com o solo violentamente naquele que parece ter sido um desastre semelhante ao que aconteceu há cerca de cinco meses com a companhia Lion Air.

As caixas negras do avião já foram localizadas e estarão agora a ser analisadas pelas autoridades com o objetivo de se perceber o que falhou.