Entradas para Castelo de S. Jorge e Padrão dos Descobrimentos vão ficar mais caras

A partir do próximo ano entrar no Padrão dos Descobrimentos e no Castelo de S. Jorge, em Lisboa, vai ficar mais caro alguns euros.

PUB

Os preços dos bilhetes de entrada no Padrão dos Descobrimentos e Castelo de São Jorge, em Lisboa, devem ficar mais caros em breve. De acordo com um documento onde é apresentada uma versão preliminar dos instrumentos de gestão provisional da EGEAC (empresa gestora dos monumentos de Lisboa) e a que a Lusa teve acesso, é apontado o aumento de €8,5 para €10 no caso do Castelo de S. Jorge e de €5 para €6 no caso do Padrão dos Descobrimentos.

É no mesmo documento que se encontra a motivação para esta alteração de preços que resulta de uma análise comparativa entre locais turísticos semelhantes noutras cidades estrangeiras que terão valores superiores. Com esta alteração, espera-se que os preços de dois dos principais monumentos da capital portuguesa fiquem mais próximos da média de cidades equivalentes a Lisboa.

De acordo com a mesma fonte prevê-se que os aumentos comecem a ser sentidos a partir de janeiro do próximo ano.

Apesar das alterações de tarifário, os cidadãos residentes em Portugal continuam a ter acesso gratuito a estes monumentos todos os domingos e feriados até às 14h. Todos os menores de 18 anos, maiores de 65 anos e desempregados residentes em Lisboa podem entrar gratuitamente todos os dias.

A EGEAC adiantou ainda à Agencia Lusa que as alterações tarifárias não estão previstas para mais nenhum monumento da cidade, gerido por aquela empresa municipal.

No que diz respeito a visitas ficamos ainda a perceber que o Castelo de São Jorge prevê chegar ao fim de 2018 com dois milhões e 40 mil visitantes, aumentando em 50 mil este número em 2019.

PUB

Já o Padrão dos Descobrimentos deverá receber 295 mil pessoas em 2018 e prevê-se que em 2019 sejam 359 mil.