Passageiros abrem porta de emergência de avião por engano

Vários passageiros a bordo de um aviao da Aer Lingus abriram a porta de emergência depois de o piloto pedir uma evacuação rápida do avião.

Avião da Aer Lingus em voo com o trem de aterragem aberto. Foto de Pixabay
PUB

Um avião da Aer Lingus que em 2017 fazia a ligação entre a cidade de Cork, na Irlanda, e a capital britânica, Londres, teve que regressar ao aeroporto de origem depois de os pilotos declararem emergência por ter sido detetado fumo “forte e persistente” na cabine do avião.

O incidente, que não viria a passar de um susto, viu agora o relatório da sua investigação revelado. De acordo com o documento a que a Fox News teve acesso, já depois de o avião estar imobilizado num lugar de estacionamento do aeroporto e dada a persistência do cheiro a fumo, o piloto pediu aos passageiros que desembarcassem rapidamente do avião.

Alguns dos passageiros não terão percebido que o desembarque devia ser feito pelas portas comuns do avião e abriram as portas de emergência, tendo ficado em cima das asas.

Já do lado de fora do avião, foram ativados os escorregas insufláveis que ps ajudaram a descer sem grandes problemas.

Não houve feridos a registar no incidente que terá sido causado por uma falha num sensor, prontamente resolvida por mecânicos em solo.

PUB