Volta a ser possível ver o famoso leilão de atum de Tóquio

Depois de quatro meses parado o famoso leilão de atum de Tóquio volta a estar disponível, num novo lugar e com visitas limitadas.

Seis atuns a serem leiloados num dos mais famosos mercados de Tóquio, no Japão. Foto de Edo-mura no toku zō
PUB

Depois de quatro meses suspenso para visitas de turistas, o famoso leilão de atuns de Tóquio volta a estar acessível para os milhares de turistas que visitam a cidade japonesa.

A partir de agora o concorrido evento matinal acontece no novo mercado de Toyosu, mas como no antigo local, o mercado de Tsukiji, apenas 120 pessoas vão ter acesso ao leilão a cada dia. Não será fácil conseguir um lugar, mas agora já não é necessário passar a noite no local, como muitos turistas faziam para garantirem que conseguiam assistir ao evento.

Para terem acesso ao leilão, os turistas terão que se inscrever no site com uma antecedência considerável. Para acessos em fevereiro, já não há vagas, tendo as inscrições encerrado a 14 de janeiro. Agora já só é possível pedir um lugar para o mês de março, mas mesmo esses pedidos devem ser registados no site até ao dia 11 de fevereiro.

Depois de encerrado o período de inscrições, os acessos serão concedidos por sorteio.

No dia da visita os turistas serão divididos em grupos de 30 pessoas e durante 10 minutos vão poder estar numa plataforma de observação elevada, onde é possível ver como se desenrola o processo que começa às 5 da manhã e termina às 6h30. Por questões de higiene os observadores terão um vidro à sua frente, mas o som das campainhas, dos pregões e das licitações serão bem audíveis.

PUB

Quem não conseguir lugar no grupo diário, pode ainda aceder a um piso superior do mercado, aberto no horário de funcionamento do edifício (5:00 às 17:00) e sempre acessível. A vista é mais distante, mas pode ser uma boa opção para quem não fôr sorteado.

O Mercado de Toyosu está fechado aos domingos e na maioria das quartas-feiras, mas também podem existir outros dias em que o leilão não ocorra, por isso os turistas interessados devem consultar sempre o site antes de lá chegarem.

Embora o Atum Rabilho esteja severamente ameaçado de extinção, o Japão continua a ser um dos seus grandes consumidores, principalmente para o incluir no sushi.

Tóquio é uma das 12 sugestões de viagem para 2019 do W360.PT. Veja todas aqui: