NotíciasVoos de longo curso vão ficar mais baratos em 2018

Voos de longo curso vão ficar mais baratos em 2018

PUB

Um estudo apresentado recentemente pela agência de viagens online Edreams revela que os preços em viagens de longo curso diminuíram 7% em 2017. Responsáveis por estes números são as companhias aéreas de baixo custo que investem cada vez mais nas rotas internacionais. 

A Edreams aponta como exemplo para justificar estes números companhias como a Norwegian que tem rotas a partir do Reino Unido para a América a começar nos €70 por trajeto.

“As companhias aéreas europeias estão a entrar na guerra de preços no setor dos voos transatlânticos. A Norwegian é um bom exemplo uma vez que vende voos a partir €69 para os Estados Unidos da América a partir do reino unido e Irlanda”, refere o relatório da agência.

Estes são os fatores e os números que ajudam a perceber que os preços nas rotas internacionais estão a cair, mas como é que podemos concluir que a tendência se vai manter em 2018?

A entrada de novos operadores faz antever boas notícias para quem gosta de viajar e só não o faz mais porque os preços são geralmente elevados.

PUB

A LEVEL, do grupo IAG que detém companhias como a British Airways e a Iberia, já anunciou novas rotas para março deste ano que incluem ligações de Barcelona a Boston ou Paris a Montreal e Nova Iorque. Nesta nova lowcost os preços para atravessar o Atlântico começam em pouco mais de €100.

A Joon, apresentada pela Air France como pensada para a geração millenial, também vai entrar na batalha com voos a partir de março para Istambul, Cairo, Cidade do Cabo ou Teerão. A irmã mais nova da francesa Air France alicia ainda os viajantes com uns invejáveis €175 para ligar Paris ao Médio Oriente.

Artigos Sugeridos

Sou licenciado em Jornalismo e estou a fazer o mestrado em Relações Internacionais. Quero aprender como gira o globo. Como se fazem e desfazem alianças. Como é que os líderes aprendem com a história. diogopereira@w360.pt