As dicas que tem de ler para viajar em segurança

É claro que nem queremos ouvir falar em assaltos, acidentes ou doenças, mas para não ter que lidar com esses problemas no destino, convém precaver-se na origem

PUB

Vai viajar brevemente? Se a resposta a esta pergunta fôr sim, tenho a certeza de que já começou a preparar (ou pelo menos a pensar!) na mala. Se no destino estiver calor vai levar umas roupas frescas e se estiver frio vai levar mais alguns agasalhos, mas não é de roupa de viagem que vamos falar hoje. Vamos falar de segurança.

É claro que nem queremos ouvir falar em assaltos, acidentes ou doenças, mas para não ter que lidar com esses problemas no destino, convém precaver-se na origem.

Para dar uma ajuda a antever o que de mal pode acontecer numa viagem elaborei uma lista de aspetos a ter em consideração.

Quando for viajar coloque uma parte do dinheiro, cartão multibanco e os seus documentos de identificação numa bolsa no interior da roupa. Existem diversos modelos à venda em várias lojas online, só tem de escolher aquele que melhor se adapte ao si.

 

Não deixe o dinheiro no mesmo lugar, use mais do que uma carteira/porta-moedas. Desta forma vai evitar mostrar todo o dinheiro e levantar a atenção de possíveis ladrões.

Tenha atenção ao modo como se vai vestir, principalmente se fôr mulher. Em alguns países roupas demasiado curtas podem trazer dissabores.

PUB

Quando não ficar num quarto de hotel com cofres, use a sua própria mala (com cadeado) para guardar os pertences mais valiosos.

Para qualquer viagem devemos levar todos os nossos documentos em formato eletrónico. Existem imensas aplicações que pode usar de forma prática como o Google Drive, Evernote, no próprio e-mail, Dropbox, Wallet (para IOS) ou My Cards (para IOS). Caso perca algum dos seus documentos vai conseguir aceder-lhes na mesma.

Sempre que possível deixe aos seus familiares ou amigos a morada e o contacto do hotel onde ficará instalado.

Verifique se tem o passaporte válido uma vez que alguns países exigem um prazo de validade que poderá ir até 6 meses após a conclusão da viagem.

Verifique também se os seus cartões de crédito/débito são aceites no país de destino caso tenha dúvidas o seu banco consegue ajudar.

Confirme a validade da carta de condução, cartão de estudante e os outros cartões que possa a vir a precisar na viagem para conduzir ou usufruir de descontos.

Use a aplicação móvel Registo Viajante que permite ser imediatamente localizado e contactado em caso de emergência (como catástrofes naturais, acidentes ou atentados). O registo pode ser feito aqui.

Informe-se, com antecedência, quanto à necessidade de cuidados de saúde especiais como vacinas, por exemplo. Existem serviços médicos especialmente vocacionados para a consulta do viajante.

Obtenha o seu Cartão Europeu de Seguro de Doença caso se desloque para um país da União Europeia. Este cartão é gratuito e permite ter acesso à rede de hospitais públicos. Para o obter desloque-se aos serviços da Segurança Social ou a um centro de saúde.

E pronto, agora que todas as precauções estão tomadas em termos de segurança e saúde só precisa de começar a contagem decrescente para a viagem.

Ilustrações de Laia Castells