Carregadores públicos de telemóvel do aeroporto podem ser perigosos?

Usar carregadores públicos de telemóveis nos aeroportos é um hábito que muitos passageiros partilham. Mas será que é seguro?

Carregador de Iphone USB Lightning desligado.
PUB

Carregar o telemóvel em carregadores públicos como os que são disponibilizados em muitos aeroportos pode comprometer a segurança de um smartphone. De acordo com especialistas da área há aparelhos mais vulneráveis do que outros, mas em nenhum o risco é nulo.

Aproveitar o tempo de espera no aeroporto para carregar o telemóvel é um hábito partilhado por viajantes de todo o mundo, especialmente em viagens longas, com grandes escalas e feitas em companhias que não têm tomadas a bordo dos aviões, mas de acordo com especialistas da empresa de segurança Kaspersky Labs, as portas USB nem sempre são seguras. Em 2016 provaram que com um telemóvel a carregar através de cabo USB num computador era possível fazer a instalação de um vírus no dispositivo móvel em apenas três minutos.

Passageiro sentado na sala de embarque do aeroporto
Os períodos de espera no aeroporto são muitas vezes usados para carregar o telemóvel. Foto de Mr Hayata/Flickr

Um vírus pode dar ao seu criador acesso a todos os dados existentes no telemóvel, mas com aparelhos cada vez mais evoluídos isso ainda é possível? De acordo com Chris Hoffman, da How-To Geek, o risco é mínimo porque os smartphones Iphone e Android geralmente exigem a permissão do proprietário para partilharem dados e no caso dos Iphone a segurança foi recentemente reforçada e o acesso a dados via USB é cada vez mais difícil para softwares com más intenções. Já no caso dos Android, há modelos mais vulneráveis, revela à Lonely Planet.

“Os telemóveis Android modernos são projetados para proteger os dados dos utilizadores de portas de carregamento USB mal intencionadas, mas têm existido alguns relatos sobre vulnerabilidades de segurança e eu ainda não as vi serem corrigidas”, esclarece.

Para afastar alarmismos Chris Hoffman deixa claro que “não conheço nenhum caso em que uma porta USB tenha sido responsável por causar danos num smartphone, ainda assim os utilizadores de telemóveis Android devem preocupar-se em ter sempre as atualizações de segurança mais recentes”.

PUB

Como sugestão para evitar as portas USB, o especialista em informática sugere que os viajantes usem baterias portáteis (power bank) e que quando estiverem perto de uma tomada USB pública optem por carregar nela o power bank, carregando o telemóvel através do próprio power bank, isolando-o assim do risco. As tomadas tradicionais também são uma opção segura.